Retrospectiva 2012

Este ano foi além das minhas expectativas. É claro que a cada virada de ano esperamos renovação, coisas boas, diferentes. Mas esse foi bombástico. Não no sentido ruim da palavra, nem no bom. Mas foi um tanto quanto, diferente.

Entre as coisas mais importantes que fiz neste ano foi a mudança de agência. Duas vezes. Eu precisava, minha mente precisava, e a minha vida profissional também. Acabei descobrindo que aquela vida glamorosa de publicitário que se prega nos filmes, livros, faculdade e por quem está de fora não existe: muito trabalho, stress, dores de cabeça e quilos a mais.

Assim, descobri que a felicidade não está no trabalho, e que trabalhar no que gosta não é um hobby.

Tudo isso me rendeu 7 kg a mais, fiz a dieta da proteína, perdi e ganhei tudo de novo. Percebi que um ano inteiro sem frequentar a academia direito, você anula o esforço de todo o ano anterior.

Mas tudo bem, em compensação a minha vida pessoal ficou ótima. Aprendi que de sexta à noite a domingo eu posso anular a minha semana e ser feliz.

Conheci pessoas legais. E bem chatas também.

Encontrei e reencontrei amigos. Fiz, refiz e desfiz amizades.

Realizei o segundo maior sonho da minha vida, comprei um carro.

Vi meu time ser campeão e ir para a segunda divisão.

Fiz um novo blog.

Enfim, 2012 foi um ano que passou rápido demais, apesar de ter acontecido tantas coisas.

É bom fazermos uma retrospectiva, pois no final de cada ano, precisamos renovar nossos votos (sim, isso é bom). Assim, dá pra ver o quanto vamos muito além de nossas expectativas, que somos maiores do que realmente pensamos e que a vida nos proporciona momentos cada dia mais felizes, mesmo que a gente não perceba. Ou só veja isso quando um novo ano chegar.

Anúncios